Home

PostHeaderIcon Suspeito de matar a companheira é preso em Torres

Policiais Civis da 1ª Delegacia de Polícia de Sapucaia do Sul prenderam nesta quarta-feira (15/04) um homem suspeito de matar sua companheira, em fevereiro deste ano

A prisão ocorreu na região rural de Torres, onde o suspeito estava escondido. Segundo informações, na ocasião, a vítima de 59 anos, foi morta a facadas, dentro de casa.

A delegada Marina Goltz informou que as investigações apontaram que o autor do crime seria o companheiro da vítima e que o casal havia passado a tarde discutindo no dia do crime.

“A vítima nunca havia registrado ocorrência policial contra o companheiro, nem solicitado medidas protetivas de urgência”, afirmou a delegada.

Após os procedimentos de praxe, o preso foi encaminhado ao sistema prisional.

 

PostHeaderIcon Garoto de programa é preso após agredir cliente em Quintão

Um garoto de programa de 20 anos foi preso, na noite dessa sexta-feira, no balneário de Quintão, em Palmares do Sul.

Ele foi acusado de agredir e amarrar um idoso de 71 anos, após a vítima supostamente não ter pago o serviço sexual.

O acusado teria levado como “forma de pagamento” um aparelho de som, um DVD e um edredom.

Redação Litoralmania

 

PostHeaderIcon Criminosos armados assaltam Magazine no centro Capão da Canoa

Cinco criminosos armados invadiram a Loja Magazine Luiza, na Avenida Paraguassú, no Centro de Capão da Canoa, nessa sexta-feira.

Os funcionários e dois clientes que se encontravam no local foram trancados em uma sala. Os bandidos levaram o dinheiro dos caixas. Não foi divulgado o valor roubado.

De acordo com relatos de testemunhas, um dos elementos era mulato e vestia um moletom preto com capuz e outro, era branco, com olhos claros. A polícia investiga o caso.

Redação Litoralmania

 

PostHeaderIcon Prefeito de Osório se manifesta após ter seu nome ligado a Máfia do Lixo

O Prefeito de Osório, Eduardo Abrahão, se manifestou publicamente, após ter seu nome divulgado por blogueiros no inicio do mês, onde o incluíam na Máfia do Lixo.

Ele e outros prefeitos da região, juntamente com secretários e deputados tiveram seus nomes destacados em um suposto bilhete escrito a mão.

Essa lista apresentava a cidade, o cargo, e o valor que cada um receberia de propina, por participar do esquema.

Leia mais...

 

PostHeaderIcon Fim das coligações nas eleições proporcionais é quase consensual, diz relator

O relator da comissão especial da reforma política, deputado Marcelo Castro (PMDB-PI), disse há pouco que o fim das coligações nas eleições proporcionais (para deputados e vereadores) é “mais ou menos” um consenso no colegiado. A afirmação foi dada na audiência pública com presidentes de partidos políticos.

O líder do PHS, Marcelo Aro (MG), destacou, no entanto, que o fim das coligações não é ponto pacífico na comissão e que o partido é contrário a esse ponto.

O relator voltou a afirmar que seu parecer – que deverá ser apresentado no fim do mês – não conterá sua posição pessoal, mas a posição da maioria da comissão, e que os principais pontos da reforma política será a mudança no financiamento de campanha e no sistema eleitoral.

Castro ressaltou ainda que a reforma política terá de lidar com a fragmentação partidária existente hoje no Brasil. Ele questionou se essa fragmentação é boa para o sistema político. “28 partidos representados no Parlamento só existe no Brasil. Normalmente, são de quatro a sete”, apontou.

Parlamentarismo

O relator também informou que a instituição do parlamentarismo não será discutida neste momento pelo colegiado. A proposta foi defendida pelo presidente do PPS, deputado Roberto Freire (SP), durante a audiência.

“Não resta a menor dúvida de que é o sistema mais moderno, atual, flexível, que enfrenta com tranquilidade as crises”, disse Castro. “Infelizmente, já fizemos um plebiscito, e a população não concordou com o parlamentarismo.” Porém, segundo ele, a mudança do regime presidencialista para o parlamentarista poderá ser discutida novamente no futuro pelo Congresso.

Sobre a possibilidade de revogação dos mandatos de parlamentares que não cumprirem seu programa, defendida pelo PSol, Castro afirmou que é uma proposta “inexequível, impraticável”.

Agência Câmara de Notícias

 

<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL

Rádio Online

Enquete
Litoral esta preparado para o Verão?
 
Previsão Tempo